domingo, agosto 31

Lágrimas e chuva molham o vidro da janela,
mas ninguém me vê.
O mundo é muito injusto
e eu dou plantão dos meus problemas
q eu quero esquecer...

Lágrimas e chuva - Leoni / Bruno Fortunato / George Israel

Nenhum comentário: