quinta-feira, outubro 14

Momento: uns com tanto, outros com tão pouco:
- Pois é, Paula, e o quê que vc acha?
- Ah, Cíntia, não sei, eu nem conheço ele direito, não posso te dizer "aceita".
- Justamente. A gente acabou de se conhecer...
- ... e ele já vem pedindo pra namorar.
- Isso.
- Ah, comigo e com o Marcelo também foi mais ou menos assim. A gente começou a namorar pq ele disse que só ficava comigo se fosse pra namorar.
- Pois é, é isso que ele acha.
- Ah, comigo tá sendo bom!
- Mas sabe o que é? Eu já namorei com uma pessoa assim, sem gostar muito, e foi horrível, a gente só sofreu.
- Poxa, sério?
- Verdade. E eu não quero passar por isso de novo, sabe? Uma vez já foi suficiente.
- Então abre o jogo com ele, ora!
- Você acha?
- É, ué! Diz pra ele que vcs precisam primeiro se conhecer melhor, pq vc já esteve com uma pessoa sem gostar e sofreu muito, e não quer que isso aconteça com ele.
- Ele falou que quer discutir a nossa relação..
- Agora, no meio da aula de Estatística?
- Romântico, né?
- Demais.

Nenhum comentário: